6 dicas de como eliminar candidatos no vestibular

O vestibular é uma época importante na vida de qualquer estudante, visto que todo conhecimento adquirido durante ensino fundamental e médio é posto a prova. Algumas pessoas ficam (literalmente) descontroladas devido ao nervosismo, aos medos e à incerteza da aprovação.

Para os que estudaram, tudo fica mais fácil. Pelo menos a matéria já é conhecida. Já para os que não estudaram, só resta o chute (se a prova for objetiva). Se a prova for discursiva, melhor nem gastar dinheiro pagando as (altas!) taxas de inscrição.

Este post é destinado àqueles que não deram a mínima durante o ano todo, e ainda assim acham que merecem passar numa universidade pública. Eu faço uma lista de atitudes que podem ajudar a eliminar o candidato oponente de modo que ele ou ela não tenha chance de responder as questões.

As dicas também servem para os CDFs que se mataram o ano inteiro em meio aos livros e apostilas, mas ainda não tem certeza de como será o resultados das provas.


1. Desestabilize o candidato
Durante as aulas do cursinho (ou colégio mesmo), faça muitas perguntas. Perguntas complexas e às vezes sem nexo, para que o professor se embaralhe na hora de respondê-las. Se o professor tem dificuldade em formular respostas, é bem provável que seus pupilos também tenham.


2. Empreste seu material
Quanto mais anotações seus fichários, cadernos, apostilas e leitura complementar tiverem, melhor. Como cada pessoa tem uma forma única de estruturar suas idéias e projetá-las em forma de notas, muito provavelmente a pessoa que pegar o material emprestado não entenderá nada. Ou achará que entendeu, mas na hora da prova vai perceber que faltaram detalhes que só ela mesma poderia ter absorvido.


3. Dê mole
Essa vai em especial para as meninas. Com todo o foco voltado para os estudos, é natural que os hormônios fiquem mais suscetíveis a certos “estímulos”. Dar só um gostinho dos prazeres carnais que tem a oferecer pode causar no candidato oponente alucinações sobre como seria bom ter um contato maior entre os dois. O marmanjo pode perder a noção de tempo e espaço e esquecer que estudar é necessário.


4. Espalhe boatos
É simples espalhar boatos sobre as provas através da internet. Por exemplo: divulgar que as inscrições terminaram quando na verdade elas foram prorrogadas. Quando o oponente receber a notícia de que corre o risco de não fazer a tão desejada (e temida) prova, um desespero avassalador poderá se instalar nesta pobre pessoa. Prefere-se que o oponente entre em depressão, visto que potenciais suicidas normalmente não estudam.


5. Toque terror no dia da prova
Se nenhuma das dicas anteriores surtir efeito, é hora de apelar para as técnicas ninja em dia da prova. Neste dia as pessoas estão tão nervosas que qualquer atitude mínima pode desconcentrá-las. Faça sons irritantes, como tossir, se engasgar, batucar com a caneta na folha de papel, não parar de bater com os pés no chão ou (se tiver muita, muita coragem) assobiar.

Deixe a borracha cair no chão, bem distante, e vá buscá-la. A maioria dos candidatos pára e acompanha o trajeto, enquanto que o tempo está passando. Se quiser, ainda pode tropeçar na carteira de alguém. Quanto maior o drama, mais tempo as pessoas perderão assistindo à cena.

Outra forma de tentar impedir o candidato oponente de fazer a prova é liberando gases não tão “estufa”, se é que me entendem. Nessas horas uma feijoada com repolho e ovos na janta anterior ajuda a intensificar a potência da arma. Só não vá liberar sólidos (ou quase isso) durante o ato terrorista.


6. Último e fatal: a batata do desespero
Se nem mesmo uma orquestra tocando a Nona de Beethoven no meio da sala perturba a concentração dos outros candidatos, abra aquela saca de três quilos (!) de batata Ruffles e comece a devora-las. Crac, crac, crac… Os candidatos oponentes vão odiar aquele barulho de alimento sendo mastigada sem poder mastigar também. Pringles também vale, mas o custo-benefício será maior.

Só não vá levar o texto a sério. Ele é apenas uma forma de descontrair frente a um desafio tão grande quanto é o vestibular. Se quiser ler um pouco mais sobre a guerra que é ser admitido em uma faculdade (ou “vietbular”), leia este post produzido por um professor.

----------

Fonte: Memórias Fracas

1 Comentário »

  • gravatar Anônimo

    Olá
    Dicas para Vestibular
    Descobri um software, "Aumentando seu Vocabulário", onde você aprende rapidinho dezenas de palavras novas através das Lições, Exercícios e Textos. Além disso tem Dicionário Personalizado e Jogos de Palavras. Em Textos, você aprende usar as palavras e construir suas próprias redações. Ideal para Vestibulandos e estudantes do Ensino Médio.
    Vale a pena, por isso resolvi divulgar, pois me ajudou muito.
    Está no www.softwareebookecia.com

Comente!!

Sua opinião é importantíssima!

Feeds Blog Idéias! Cadastro por e-mail O que são feeds? Comunidade Blog Idéias Orkut Twitter Blog Idéias
Increva-se na newsletter do Blog Idéias!
Lembre-se de confirmar o cadastro em seu e-mail, ok?

Boas Idéias!

Ocioso LinkLog Uêba Colméia Byte Que Eu Gosto Chicclete Capinaremos Tenso blog Perolas para Porcos Manicômio SA BoboLoco Insoonia Fester Blog Sedentário & Hiperativo Lista 10 Papibakigrafo Trocistas Ela ta de Xico! Sangue Ácido inSUPORTÁveis Fottus Metamorfose Digital República das Cores

Parceiro de Idéias!

Blog Idéias!

Últimos posts!

Estatísticas



Visitantes online no blog:



Visitantes recentes

Custom UsuárioCompulsivo
Widget BlogBlogs

Últimos comentários!


Copyleft © Blog Idéias! 2009 - Nada reservado! =P

Tema original modificado por Pedro Sá.