Verdades e mentiras sobre 10 mitos tecnológicos

Identificamos 10 mitos tecnológicos e buscamos conhecer a verdadeira história por trás deles. Classificamos cada um deles com umaíndice, o "Mitômetro", que varia de 1 a 5, sendo 5 algo a ser ignorado completamente e 1 para os mitos que, na realidade, são baseados em fatos reais.

Esperamos que essa relação possa ajudar você na próxima vez que se deparar com um dessas histórias extraordinárias – quer sejam fatos reais, pura ficção ou uma mistura destas duas coisas.


Mito 1 - Usar cartuchos de tinta de outro fabricante em sua impressora fará você perder a garantia do equipamento.

Mitômetro: 5,0

Esta é uma das lendas urbanas mais recorrentes. De acordo com a Canon, a Epson e a Lexmark, o simples fato de utilizar suprimento de outro fabricante não viola a garantia do equipamento (contudo, testes realizados pela PC World mostraram que este tipo de insumo nem sempre gera bons resultados).


Mito 2 - Ao fazer download de arquivos a partir de uma rede P2P (peer-to-peer), o MPWW ou RIAA – entidades que controlam os direitos autorais de cinema e fonográfico nos Estados Unidos, respectivamente - saberá quem você é.

Mitômetro: 2,5

Isso parece coisa do livro "1984", de George Orwell. "Quando você está fazendo download de um filme, programa de TV, música ou game utilizando uma rede P2P é possível identificar seu endereço IP", afirma Elizabeth Kaltman, porta-voz da MPAA.

Porém, o BayTSP, que analisa o compartilhamento de arquivos em redes como o BitTorrent e o eDonkey, tem uma visão menos enfática sobre o assunto. Ao monitorar estes serviços para alguns clientes, a companhia pode, de fato, obter a informação dos endereços IP, data e horário do download, bem como informações a respeito do provedor do usuário que fez o download. Mas somente quando o arquivo baixado é muito grande.


Mito 3 - É preciso particionar o disco rígido e desfragmentá-lo freqüentemente para garantir melhor performance.

Mitômetro: 2,0

Este é um dos mitos que podem gerar uma verdadeira batalha. De acordo com Mario Apicella, analista de tecnologia e guru em armazenamento da Infoworld.com, desfragmentar um HD grande vai melhorar o desempenho de um sistema Windows. E isso também vai depender da quantidade de arquivos que são modificados ou apagados diariamente.

Dividir o disco rígido em dois ou mais discos lógicos não gera, necessariamente, melhora de performance, mas pode resultar em outros benefícios. Pode-se, por exemplo, criar uma máquina dual-boot ou deixar separados arquivos muito utilizados daqueles que são acessados com menos freqüência, o que resulta em menor fragmentação do disco e agilidade no procedimento de backup.


Mito 4 - O Google pode encontrar qualquer coisa na internet e, uma vez que tenha localizado a sua informação, ela não pode mais ser apagada.

Mitômetro: 4,0

Embora pareça mesmo que, às vezes, os dedos invisíveis do Google possam tocar tudo, a realidade dos fatos é diferente. O Google irá localizar algo na web apenas se houver um link dessa página com ele, afimar Danny Sullivan, editor-chefe do Search Engine Land. "Caso você não deseje que sua informação seja localizada, então não a deixe disponível na internet de nenhuma forma, ou assegure-se de que estes dados só possam ser vistos por quem tiver uma senha, por exemplo", diz.

Você também pode impedir que a ferramenta de busca (searchbot) do Google indexe o seu site – ou mesmo pedir para que eles removam páginas que já tenham sido indexadas – seguindo as orientações fornecidas pela empresa. Caso o seu site já esteja na teia do Google, vai levar um tempo para que os resultados sejam varridos do cache do sistema de buscas.

A questão mais complexa é sobre como remover informações pessoais do Google se elas estão em um site sobre o qual você não tem controle. A saída é pedir educadamente para o dono deste site para remover a página ou impedir que o Google faça a indexação dela. Em caso de recusa e se o site possuir informações como seu número de CPF, por exemplo, ou material protegido por copyright, é possível pedir diretamente ao Google para que remova esta informação de seus índices.

Em último caso, empresas como a ReputationDefender cobram cerca de 30 dólares para tentar – sem garantia de que consigam – eliminar esse tipo de informação para você.


Mito 5 - Comprar no eBay é algo extremamente seguro.

Mitômetro: 3,5

O maior site de leilões do mundo e seu serviço de pagamento online PayPal oferecem um arsenal de ferramentas para se proteger de fraudadores, falsários, etc. Mas não é 100% seguro.

"Quando se utiliza o PayPal para adquirir um item físico no eBay.com, você automaticamente está obtendo um seguro de 200 dólares na transação", afirma Catherine England, porta-voz do eBay. Entretanto, utilizar modalidades de pagamento como ordem de pagamento, cheque e transferência eletrônica podem representar riscos. O PayPal também não cobre itens não-físicos, como software e documentos eletrônicos.


Mito 6 - Não deixe imagens estáticas permanecerem muito tempo na tela de seu TV de plasma para evitar queimar o dispositivo.

Mitômetro: 2,0

O plasma se queimar não é um mito, mas não chega a ser algo com que as pessoas devam se preocupar. De acordo com CrutchfieldAdvisor.com, monitores e TVs de plasma e de tubo podem queimar quando "uma imagem estática permanece no display por um tempo muito longo. Com o passar do tempo, estas imagens podem, mesmo, deixar uma marca definitiva na tela".

"Como qualquer outro tipo de tecnologia, qualquer uso abusivo dela pode quebrá-la", aplica o vice-presidente da Pioneer Electronics. "Dito isso, as novas gerações de TVs de plasma sofreram melhorias significativas em itens como fósforo, estrutura de célula e filtros para minimizar esse problema".


Mito 7 - Máquinas de raio-X em aeroportos podem apagar ou danificar cartões de memória em câmeras fotográficas.

Mitômetro: 5,0

A segurança aeroportuária é explícita ao afirmar que as máquinas de raio-X não afetam nem as câmeras digitais nem cartões de memória. Na realidade, cartões CompactFlash, SD e Memory Stick podem ser mais resistentes do que você possa supor.

Testes realizados pela revista Digital Camera Shopper mostraram que os cartões de memória saíram ilesos de um mergulho em um copo de refrigerante, de uma sessão completa na máquina de lavar, do atropelo de um skate e das mãos de uma criança de seis anos.


Mito 8 - Impressoras jato de tinta que usam cartuchos que combinam cores são mais dispendiosas do que aqueles que usam cartuchos com cores separadas.

Mitômetro: 1,0

Eis aqui um exemplo que é verdade. "Em um cartucho de cores combinadas, se a tinta amarela acabar, você terá de substituir o cartucho todo caso queira imprimir algo nesta cor", afirma Cheryl Taylor, da Epson. Isso quer dizer que os cartuchos com cores individuais maximizam sua eficiência e acabam custando menos.

Charlie Brewer, do Hard Copy Supplies Journal, confirma esse fato. "É mais dispendioso imprimir com a maior parte dos cartuchos que combinam cores do que com os trabalham com as cores separadamente. Agora, ha casos em que um único cartucho de uma única cor custa mais do que um cartucho que oferece todas as cores", diz ele.


Mito 9 - Se alguém conseguir invadir seu PC ou se ele se tornar um zumbi, você vai perceber.

Mitômetro: 4,0

Se um hacker transformar o seu PC em um spambot, por exemplo, a bandeja de sistema pode alertá-lo de que o computador está enviando centenas de e-mails. Isso se o seu programa de segurança estiver configurado para analisar as mensagens que são enviadas.

Freqüentemente, os malwares fecham os programas antivírus, firewall e até o Windows Update para que possam tomar conta do seu sistema. Lawrence Baldwin, da MyNetWatchman, empresa que faz monitoramento de redes, diz que o usuário nem percebe, até ser advertido pelo provedor de que seu endereço IP foi detectado por um bot ou porque as mensagens enviadas por esse usuário começam a ser rejeitadas. E acrescenta: "Não se pode confiar totalmente em suas soluções de segurança para proteger seu computador".

Caso a máquina de repente ficar lenta ou demorar para ligar ou desligar, existe uma chance de ela estar infectada. Mas estes também podem ser sintomas de inúmeros outros problemas que não têm nada a ver com malware. "Na web, ou se é esperto, ou é melhor ficar fora dela", completa Baldwin.


Mito 10 - Utilizar cartões de memória high-speed em sua câmera digital faz com que ela tire retratos mais rapidamente.

Mitômetro: 3,5

Cartões de memória high-speed permitem que as câmeras digitais salvem os arquivos mais rapidamente. Mas isso não quer dizer que você vai poder tirar mais fotos em menos tempo. "Quando você aperta o botão disparador, a câmera tem que capturar e processar a imagem, e só depois salvá-la no cartão", explica Mike Wonge, gerente de comunicação da SanDisk.

Assim, cartões mais "rápidos" aceleram apenas a última etapa do processo. O mesmo acontece se você usa uma câmera rápida, mas um cartão lento e que gera demora na hora de salvar as imagens capturadas. Mas os cartões rápidos reduzem o tempo necessário para fazer o download das imagens do computador.

----------

Fonte:Idnow

0 Comentários »

Comente!!

Sua opinião é importantíssima!

Feeds Blog Idéias! Cadastro por e-mail O que são feeds? Comunidade Blog Idéias Orkut Twitter Blog Idéias
Increva-se na newsletter do Blog Idéias!
Lembre-se de confirmar o cadastro em seu e-mail, ok?

Boas Idéias!

Ocioso LinkLog Uêba Colméia Byte Que Eu Gosto Chicclete Capinaremos Tenso blog Perolas para Porcos Manicômio SA BoboLoco Insoonia Fester Blog Sedentário & Hiperativo Lista 10 Papibakigrafo Trocistas Ela ta de Xico! Sangue Ácido inSUPORTÁveis Fottus Metamorfose Digital República das Cores

Parceiro de Idéias!

Blog Idéias!

Últimos posts!

Estatísticas



Visitantes online no blog:



Visitantes recentes

Custom UsuárioCompulsivo
Widget BlogBlogs

Últimos comentários!


Copyleft © Blog Idéias! 2009 - Nada reservado! =P

Tema original modificado por Pedro Sá.